quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Da sub-utilização do cérebro alien

(respira, respira!)

Se eu fosse no terapeuta (embora tenham dito a algum tempo atrás que eu estaria me formando nessa profissão, o que considero minimamente estranho), muito provavelmente ele iria tentar destrinchar tudo que eu digo que sinto para tentar entender as causas...

Se eu fosse para um bar, o garçon iria me fazer beber todas até cair, enquanto o colega ao lado, bebendo algo muito parecido que eu, muito provavelmente pelo mesmo motivo (ainda que ele não saiba disso), me diria que estou reclamando do mesmo problema que mais de 90% da população pensante desse planeta...

Mas, que droga, já disse: NÃO SOU DESSE PLANETA!

O tédio me ataca.

A-T-A-C-A!

..... e eu não quero me conformar com isso.....

Cara... todo dia igual... sair do estado de hibernação diária... desligar a porcaria do aparelho fazedor de som para que você se irrite logo pela manhã, comer uma quantidade substancialmente pequena de proteínas e carboidratos, pegar o veículo auto-motor que encontrará em seu caminho problemas de fluxo causado por excesso de outros veículos auto-motores no caminho, fazer atividades que exigem muito de sua capacidade de sublimar o que lhe incomoda mas pouqíssimo de sua massa encefálica, ingerir outra quantidade de proteínas e carboidratos (se houver possibilidade, tomar um líquido composto de algumas moléculas compostas de dois átomos de hidrogênio com um de oxigênio), voltar para aquela atividade, pegar novamente o veículo auto-motor, refazer, agora no sentido contrário, o caminho percorrido anteriormente (ainda com problemas de fluxo), ingerir nova quantidade de proteínas e carboidratos, tirar impurezas do corpo utilizando o mesmo líquido com moléculas compostas de dois átomos de hidrogênio com um de oxigênio que você tomou no almoço e provavelmente ao longo do dia (evitar ingestão dessa vez, para não misturar os procedimentos) e voltar ao estado de hibernação diária!

dito assim pode não parecer tão chato.... mas escrevi assim para tentar camuflar a desilusão de ter grandes novidades na vida... imagina isso todos os dias... imagina, agora, isso todos os dias e da mesma forma... e, agora, imagina que você tem um super-cérebro que é reconhecidamente sub-utilizado!

ESTÃO TENTANDO MATAR ESSA ALIEN!

de tédio....

(e estão conseguindo!)

Saudações plutonianas e fui!

*terminar saudando só para fugir da rotina hahaha*

2 comentários:

bruno__prisco disse...

É... de tédio, eu entendo muito bem! Estou nessa há uns 3 anos. E a viagem, como foi? Bjo.

mari disse...

visões diferentes do mundo:

se eu fosse em um terapeuta (embora ainda irão me dizer que sou mestre em psicologia, o que eu acho mais que estranho, considero minimamente burrice burocrática acadêmica) muito provavelmente ele iria querer me encaixar dentro de alguma teoria que ele aprendeu na faculdade, primeiro porque o fato de talvez não existir um porquê ou pelo menos um porquê já definido por alguém com renome acadêmico não existe ou porque quem procura um terapeuta mais do que ter um problema: quer uma solução.

se eu fosse a um bar o garçom me serveria de algo alcoolico com um sorriso no rosto, mas com uma má vontade interna me xingano: "esse boyzinho filho da puta, amanhã se me visse nem me olharia na cara". O meu amigo sim! esse estaria me empurrando mais alcool e de duas uma: ou estaria se gabando decomo ele se divirtiu na festa de ontem e catou várias e bebeu todas, e como seu patrão disse uq de como ele é fundamental pra empresa ou qualquer outra coisa que ele julgue importante ou ele estaria reclamando de como tudo dá errado pra ele e como o emprego não aparece do nada ah! ainda há mais uma opcção o cara que faz os dois...esses são os mais engraçados! E bebe mais uma!! tb com tanto assunto há outra solução?

o tédio te ataca?
a hipocresia mata!

Mas me diga cara psicologa (achando estranho ou não....) a uma regra para os humanos? uma maneira idel para se viver? perguntaria como biológa: o bicho se estressa porque tem que caçar ou o bicho se estressa porque não pode caçar e assim não tem o que fazer?


Cara, todo o dia é assim....eu veria desse modo (já digo de antemão, não é uma visão positiva)...todo dia acordar e desligar o maldito aparelho fazedor de som que te irrita logo de manhã que vc tem porquê mesmo? quem iventou a regrinha que se trabalha melhor das 8 as 18? porque não das 9 as 19? comer um quantidade substancialmente pequena de carboidratos e proteínas...literalmente pequena porque afinal vocÊ tem que manter seu manequim 58....fazer atividades que exigem muito de sua capacidade de sublimar o que lhe incomoda mas pouqíssimo de sua massa encefálica, e escutar os mesmo problemas que vc já escutou a mesma pessoa falando e ainda concordar que aquela ramela é um realemente um problema, e sorrir pra quem vc quer dar um tapa na cara e ....bem agora é a hora dos seus restritos proteinas e carboidratos..mas não se esquece agora não é mais o chá roxo o salvador é o chá rosa, aliais vc sabia que o chá roxo causa encefalitite?...gozado a parte da tarde me lembra muito a parte da manhã....que me lembra a segunda..a terça...e aquele dia no ano passado...

próximo parágrafo....pode não parecer chato? mas chato que isso só esse meu texto...mas ninguém mandou abrir espaço para comentários....outra coisa que não entendi..super-cérebro? acho que o criacionismo é mais provavel.....invetaram isso pra gente...e a gente acredita....

estão tentando matar a alien...mas cuidado não é só de tédio!

saudações,
terráquia